clique aqui para se cadastrar

PEDALANDO NA ESTRADA REAL

Caminho do Sabarabuçu - 4 dias e 3 noites

Ouro Preto - Muito ouro descoberto por descoberto por mero acaso por uma expedição de paulistas chefiada pelo Bandeirante Antônio Dias. Assim nasce Ouro Preto, cidade berço da história de Minas Gerais. Andar por suas ruas é contemplar o mais importante conjunto arquitetônico do país, suas igrejas, museus, pontes, chafarizes, casario e ruínas da mineração. Circundada pelos parques do Itacolomi e Tripuí e por várias cachoeiras, Ouro Preto mescla história, cultura e natureza. A cidade é Patrimônio Cultural da Humanidade desde de 1980.

Glaura – Distrito de Ouro Preto, foi um importante ponto de parada para os tropeiros e bandeirantes que transitavam nos caminhos de Minas com destino a Diamantina. O povoado chamava-se então Casa Branca e teve seu nome mudado para Glaura em 1943. Em seu centro urbano encontra-se a Matriz de Santo Antônio das Garças Brancas. Uma outra atração do distrito é a goiabada caseira produzida há décadas pela mesma família.

Acuruí - Fundado em 1702 pelos bandeirantes e seu significado em tupi-guarani é “rio de pedras”. A região servia como ponto de parada para os tropeiros que por ali passavam em busca de ouro e utilizavam as fazendas da vila para dormir, alimentar-se e descansar seus animais. Na medida em que o número de tropeiros aumentava, famílias eram constituídas e uma melhor infra-estrutura de hospedagem fazia-se necessária. Nascia assim o vilarejo que se encontra preservado desde então, com sua arquitetura muito peculiar que se mantém intacta até os dias de hoje.

Rio Acima - Surgiu como povoado de bandeirantes, mineradores e comerciantes de tropas em torno do Rio das Velhas. Até 1890, o distrito fazia parte de Sabará, quando foi implantada a Estrada de Ferro Central do Brasil, que servia a localidade. Com a criação de Nova Lima, Santo Antônio do Rio Acima se une ao Município e somente em 1948 se desmembra, passando à sua denominação atual, Rio Acima.

Raposos - Freguesia de Nossa Senhora da Conceição de Raposos: este foi o primeiro nome do município de Raposos. Segundo a tradição, foi a primeira freguesia de Minas Gerais, sendo erguida em 1690. O povoamento teria começado neste ano, quando a expedição de bandeirantes comandada por Pedro de Morais Raposo chega a região. Até o ano de 1706, foi erguida a Matriz de Nossa Senhora da Conceição, com obras de Aleijadinho. Quando do fim do Ciclo do Ouro, a Igreja foi abandonada e muitas obras foram roubadas ou levadas para outras igrejas. Em 1954, uma reforma devolveu à Matriz parte de sua beleza original.

Sabará - Localizada em um majestoso vale, no encontro do Rio das Velhas com o Rio Sabará, a cidade espelha um dos períodos mais ricos da história do Brasil, com a arquitetura barroca de suas igrejas e casarões.

Morro Vermelho – Distrito de Caeté, distante 09 km do centro. Conta com a imponente Igreja Matriz de Nossa Senhora de Nazaré, erguida na metade de século 18 em agradecimento ao milagre obtido pelo português Dom Fuas Parpinho que ao cair num abismo com seu cavalo, invocou a santa e se salvou.

Cocais - A vila colonial de Cocais foi fundada no dia 26 de julho de 1703 pelos bandeirantes Antônio e João Furtado Leite, irmãos portugueses que erigiram uma tosca capela sob a invocação de Santana. Em 1769 era construída uma igreja definitiva, a atual, que possui talha dourada no estilo oriental. Em 1835, quando o Barão de Cocais foi governador de Minas Gerais (presidente da província) realizou melhoramentos na vila de Cocais, como urbanização e calçamento, além da reforma da capela de Santana, como pintura, ampliação e douramento dos altares.

Roteiro detalhado

1º dia:
07:00 - Encontro dos participantes em Belo Horizonte (ou Aeroporto).
07:15 - Embarque no transporte com destino a Ouro Preto / MG (94 km).
09:30 - Chegada a Ouro Preto. Tempo livre para fotos, organização da mochila e alongamento.
11:00 - Início do passeio (25 km) em direção a Glaura, percorrendo a Trilha do Chafariz.
Obs: A maior parte do percurso é feita dentro de uma trilha com vegetação de Mata Atlântica.
15:00 - Chegada a Glaura e acomodação na pousada.
15:30 - Almoço.
16:30 - Tarde e noite livres...

2º dia:
07:00 - Café da manhã.
08:00 - Início do passeio (44 km) em direção a Rio Acima, passando por Acurui.
Obs: Este trecho do passeio é feito em estreita estrada de terra, sinuosa com subidas e descidas íngremes e alguns trechos de vegetação fechada, margeando o rio das Velhas.
15:00 - Chegada a Rio Acima e acomodação na pousada.
15:30 – Almoço.
16:30 – Tarde e noite livres...

3º dia:
07:00 - Café da manhã.
08:00 - Início do passeio (32 km) em direção a Sabará, passando por Honório Bicalho e Raposos.
Obs: Este percurso é feito em estrada de terra pedregosa e estreita e com mata é fechada. Na segunda parte do passeio, o pedal é feito por trilhas técnica com trechos de subidas íngremes.Durante o passeio, atravessaremos algumas nascentes e riachos.
15:00 - Chegada a Sabará e acomodação na pousada.
15:30 - Almoço.
16:30 - Tarde e noite livres...

4º dia:
07:00 - Café da manhã.
08:00 - Início do passeio (36 km) em direção a Cocais, passando por Caeté.
Obs: Este percurso é em estrada de terra sinuosa e estreita, trilhas fechadas e subidas e descidas íngremes.
15:00 - Chegada a Vila de Cocais.
15:30 - Almoço.
18:00 - Embarque no transporte para retorno a BH.
20:00 - Chegada a BH.

(ER) Roteiro da Estrada Real

Passeios

Neste roteiro você vai pedalar de Ouro Preto a Cocais, passando por vilas, povoados e cidades que surgiram no Ciclo do Ouro. São igrejas, fazendas, minas e casas com aproximadamente 300 anos de história e tradição.

Dicas

- Durante os passeios é aconselhável usar: capacete, luvas, óculos, camiseta e bermuda justa;
- Os participantes devem levar uma pochete com objetos pessoais, alimentos leves sucientes para todo o passeio, água, uma lanterna, uma câmera de ar, um canivete pequeno, medicamentos de uso pessoal e uma muda de roupa extra;
- A alimentação ideal para os passeios é: sanduíches naturais, frutas, chocolates, biscoitos, bebidas isotônicas, água e produtos energéticos;
- Aconselhamos levar ainda, máquina fotográca, protetor solar, óculos escuros e um bom agasalho para o frio.
- NÃO DEIXE DE REVISAR A SUA BICICLETA ANTES DE COLOCA-LA NA TRILHA.

Observações

- Este passeio acontece de na data que você tiver interesse (exceto feriado), com no mínimo 4 pessoas;
- Passeio indicado para pessoas que gostam de praticar atividades em contato com a natureza, já tenham experiência em pedalar, sejam amantes das “magrelas” e curtem superar grandes desafios;
- Para Guia de Turismo Bilíngue (Inglês, Francês ou Espanhol), acrescentar R$ 400,00 no valor total da compra;
- Em alguns trechos do passeio do passeio haverá um carro de apoio;
- De acordo com o interesse do cliente, podemos fazer pequenas alterações no roteiro;
- Entre em contato para agendar o seu passeio.

Características do roteiro

Datas disponíveis

Nenhuma data disponível!

Investimento por pessoa

R$ 1.990,00 por pessoa

Itens inclusos no roteiro

transporte rodoviário (ida e volta), transporte da bicicleta, 3 noites em pousada, 3 cafés da manhã, carro de apoio com água e frutas, 4 almoços, passeio, seguro e Guia de Turismo.

Siga-nos:

Facebook Twitter Instagram

Rua Goitacazes, 1029 - Loja 3 – Barro Preto – CEP: 30190-052 – Belo Horizonte – Minas Gerais – Brasil (atendimento somente com agendamento) 
Telefones: (31) 3213-9839 | 98649-9839 (Vivo) | 99434-8142 (Tim – Whatsapp) | primotur@primotur.com.br



Indique para um amigo

Cancelar